sábado, 22 de setembro de 2012

DIETA DOS CARBOIDRATOS

Por Thonny Hawany

Eu sempre me dei bem com a “Dieta dos Carboidratos”. Todas as vezes que quero emagrecer pouco ou muito, eu a uso com sucesso, mas é preciso de orientação médica, nutricional e muita responsabilidade. Dieta sem responsabilidade MATA.

A dieta dos carboidratos foi criada pelo médico norte-americano, Robert Atinsk. Trata-se de uma forma bastante fácil e cômoda para emagrecer considerando o sacrifício que é imposto por outras formas de fazer dieta.

Usando a dieta dos carboidratos, emagrece e ainda se pode manter o peso desejado. Na dieta, a alimentação permitida são os alimentos que contem proteínas e alguns legumes e verduras, mas nada de alimentos com carboidratos. Abaixo, apresentarei uma lista dos possíveis alimentos sem carboidratos.

Há 15 dias, eu estava pesando 75 quilos e, hoje, depois de todo esse período sem ingestão de carboidratos, estou pesando 70 quilos e 800 gramas. Emagreci, portanto, 4 quilos e duzentos gramas. Para mim está ótimo.

O organismo humano tem uma glândula denominada “CETÔNICO” que tem função diurética, laxante e relaxante segundo diversas literaturas na internet. Essa glândula é peça fundamental para o êxito da dieta. Ela transforma as gorduras excedentes no organismo nos açucares que ele precisa para funcionar bem. Sem carboidratos, sem açucares. Sem açucares, emagrece-se na certa.

A partir do dia em que se inicia a dieta dos carboidratos, pode-se comer à vontade, menos os alimentos que contem carboidratos. Depois de 48 horas se alimentando sem carboidratos, a glândula cetônico dá inicio a um processo de armazenamento de todas as gorduras ingeridas e começa a funcionar. Conforme já dissemos anteriormente, ela transforma as gorduras excedentes em açucares que são importantes para o funcionamento de nossas funções físicas.

O nível do cetônico pode ser acompanhado por um teste adquirido facilmente nas farmácias. O teste vem com um bastão que, colocado na urina, mudará de cor para escuro. Quando mais densa é a cor, maior é a garantia que se está emagrecendo. Conforme está escrito em muitos sites que tratam do assunto, podemos emagrecer até 5 quilos por semana. Isso dependerá de cada organismo. No meu caso, levo 15 dias para emagrecer perto do que estabelece a meta.

Recomenda-se, depois de 15 dias, sair da dieta por dois dias, momento em que se pode ingerir carboidratos. Como experiência própria, recomendo escolher alimentos que contenham o mínimo de carboidratos. Quando não for possível escolher um alimento que contenha pouco carboidrato, coma o mínimo possível apenas para matar a vontade de ingerir uma boa colher de arroz, uma deliciosa colher de feijão, uma especial metade de um pãozinho, uma fatia de pizza. Passados os dois, dias, volte a mais 15 dias sem carboidratos, emagreça o quando ainda seja necessário, se for o caso, e, depois disso faça uma dieta de poucos carboidratos para se manter bem.

São alimentos sem carboidrato:

Abobrinha verde, acelga, agrião, água com gás, água natural, água tônica diet, alface, aspargos, atum, azeite. Azeitona, bacalhau, bacon, berinjela, rúcula, brócolis, café, camarão, caranguejo, carne de aves, carne suína, carne bovina, peixes, caviar, cebola como tempero, cenoura (até uma por dia), chá de ervas, chicória, chuchu, cogumelo, couve, couve-flor, escarola, espinafre, gelatinas diet e light, geléia diet de morango, gin (única bebida alcoólica sem carboidratos), jiló, lagosta, limão, linguiça, manteiga, margarina, mexilhões, nabo, nata, omelete, ostra, ovos, palmito, pepino, pimentão, presunto, presunto cozido, queijos industrializados, quiabo, rabanete, refregirantes diet e light, repolho, sal, saladas verdes, salaminho, salpicão, salsa, coentro, suco artificiais (leia na embalagem se os carboidratos são toleráveis ou zero), sukiaki sem macarrão, tomates (até 3 por dia), trident, vagem. Fazendo uma pesquisa mais profunda, você poderá encontrar outros alimentos sem carboidratos.

O segredo desta dieta é a criatividade, você poderá se alimentar e não sentir falta dos carboidratos no prazo estabelecido pelo médico ou pela nutricionista. Emagreça de forma saudável e faça as pazes com o seu espelho e com o seu guarda-roupa.

ATENÇÃO! Thonny Hawany e licenciado em Letras e bacharel em Direito. Não sou, portanto, médico nem nutricionista. Vá antes a um médico ou a um nutricionista para saber se você pode fazer essa dieta. Dieta mal feita pode MATAR.

A minha intenção em publicar esse texto é para socializar o que está dando certo comigo. A dieta dos carboidratos possuem efeitos colaterais que, se bem orientado(a), você não os sentirá.

Faça a dieta dentro dos limites e orientações e volte aqui para nos contar como ela funcionou com você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário